fundo parallax

Quer mudar o mundo mesmo?
março 8, 2017
Irmãs! Sisters! O que nos diferencia é o que nos une!
abril 25, 2017

🚊 Em algum momento entramos em um trem que leva em direção a um destino. Nos fizeram acreditar que o destino é a Felicidade. Embarcamos nessa jornada, não tinha como não embarcar, todos pareciam ir na mesma direção!

Passamos por todos os tormentos, dores, alegrias, encantamentos, dissabores, desilusões. A jornada em certo momento começa a ficar cansativa, sem graça, porque você percebe que esse destino não chega nunca.

‘Me enganaram’, você pensa! 😫
‘ou eu peguei o caminho errado, ou eu deveria ter parado naquele momento, ou eu deveria ter mudado a direção naquele momento’… ou… ou… ou…
CULPA!
Momentos que passaram e acreditamos que por nossa culpa mudou a direção de nossas vidas.
Sentado com os olhos desacreditados e sem brilho, olhando pela janela.

Pra que continuar na jornada? Pra que seguir?

Leia meu post 👉 Palavra armadilha que te afasta dos teus sonhos!

Quem foi que me fez comprar o ticket para a felicidade que não chega nunca? 😒

Depois de tantas paradas, tantos passageiros passam por nossas vidas, uns decidem ir junto outros vão descendo nas estações escolhendo outros caminhos, outras direções, todos seguindo as coordenadas que lhes disseram:

“Vá por esse caminho, lá você encontrará a felicidade!”

Até que um dia, depois de muitos chás ☕, muitos livros 📚, muitas cervejas 🍻, muitas conversas 🙉, muitas tequilas 🍸, muitos crushs 💙, muitos matchs 💞, muitas noites mal dormidas 😴, depois de muitos abraços de despedida 🙋… Os chás ficam chatos, os livros sem brilho, as cervejas deprimem, as conversas são repetidas, as tequilas apagam o que era pra lembrar, e deixa a sensação de ‘por que eu fiz isso?’, inúmeras noites olhando para o teto, e virando de um lado pro outro da cama. Os abraços de despedida nos fazem querer o chá, os livros, as cervejas, as conversas, as tequilas, acordar meio lixo, meio gente.

É um ciclo. Um ciclo de se perder pra se encontrar.

E dói, mas tem que doer muito para que possamos sair do ciclo.

Depois de algum tempo em meio às montanhas escuras e frias, em meio a dor no peito, à escuridão, ao abismo interior, ao vazio preenchido de dor, você para de querer entender, e se torna observador de si.

Você descobre que viver é um eterno descobrir. A todo momento um novo aprendizado, a todo instante uma nova forma de ver tudo que julgávamos saber.

E nenhum lugar tem a resposta senão no seu interior, a tal jornada para a felicidade não chega nunca, porque não é pra chegar, é um constante ir, estar sempre em movimento, e viajar para seu interior, não como em um exame de endoscopia (rs), nada disso. Viajar para seu subconsciente, conhecer-se, entender seus pensamentos, e suas reações ao que as pessoas te dizem, ao que as pessoas te fazem.

Você está feliz agora?

Leia meu post 👉 Como lidar com momentos difíceis!

Você está feliz com as escolhas que fez? Está com um corpo que ama viver? Está feliz com as pessoas que convive, está feliz com as atividades que escolhe fazer?

Tão chato descobrir que está tudo nas nossas mãos né.

Mais fácil era quando a culpa de nossos problemas era dos nossos pais. Pelo menos a gente não tinha que fazer nada, só tínhamos que ser rebeldes e reclamar que eles erraram. É, reclamar não adianta mais. 😳

Em meio à viagem você percebe que são pequenos sinais, pequenos motivadores energéticos que encontramos em nossa vida que nos fazem querer mudar algo em nós mesmos ou mudarmos a forma de pensar sobre nós mesmos.

😍Isso é libertador. É isso que diferencia as pessoas.

E agora que você não é mais um passageiro rebelde gritando e reclamando por não chegar ainda no destino Felicidade, você precisa relaxar e viver o momento presente, por que a Felicidade é o caminho e não o destino.

Este é um trecho do livro que estou escrevendo, onde compartilho com você alguns dos momentos mais marcantes da minha vida, sem filtro, às vezes dramática, às vezes engraçada, às vezes totalmente sem graça, mas com coração aberto e escancarado, mostrando minhas fraquezas, angústias, e minhas bobeiras.

👉 Se inscreva no meu canal no YouTube 👈

Minha intenção é que este livro seja um pequeno motivador energético que inspire em sua jornada. Se pelo menos uma frase contida faça você parar por um momento, pensar sobre si e tomar alguma atitude, já terei cumprido minha missão.

Pois foram nos livros que comecei a despertar pra mim, e a parar de fugir de mim mesma.

E só tenho gratidão a cada pessoa que foi responsável por eu ser quem sou hoje: eu mesma.

Não mais uma cópia, não mais uma sonhadora da tal felicidade de quando “eu chegar lá”. Lá entenda-se qualquer coisa que você queira mudar agora em sua vida.

Obrigada por passar esse tempo comigo. Sente-se confortavelmente e se tem interesse em saber todos os detalhes sobre meu livro, se inscreva abaixo 👇!

Enviarei em primeira mão todos os detalhes do lançamento, e claro condições especiais pra quem já estiver cadastrado na minha lista. 😉

2 Comentários

  1. Hilda disse:

    ” Felicidade é o caminho e não o destino”

    Ameiiii ler essa pequena parte do livro. Já qiero ler todooooooooooooo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Confiante em 5 Minutos! CONFIRA!!!
Hello. Add your message here.